top of page
  • Foto do escritorRosimar Souza

A IMPORTÂNCIA DE REGISTRAR A ESCRITURA


QUAL A IMPORTÂNCIA DE REGISTRAR A ESCRITURA DA MINHA CASA?

Você sabia que apenas a escritura pública não te faz dono!

É isso mesmo, se você tem a escritura pública da sua casa você não é o dono.


O QUE É ESCRITURA PÚBLICA E PARA QUE SERVE?


A escritura pública é um documento confeccionado no tabelionato de notas, o qual é feito para atestar a vontade das partes (comprador e vendedor), descrevendo a negociação, ou seja, a venda e compra do imóvel.

Além disso, através da escritura será definido todas as condições do negócio e todas as cláusulas que envolvem um determinado imóvel.

Apesar de ser um documento dotado de fé pública pelo fato de ser confeccionado pelo Tabelião responsável pelo Cartório, tal documento não basta para que você se torne dono.


O QUE DEVO FAZER PARA ME TORNAR DONO DO IMÓVEL?


Você deve levar a escritura pública até o cartório de registro de imóveis da cidade onde o imóvel está localizado e solicitar o registro do mesmo.

Somente após a realização do registro em cartório você se tornará dono do respectivo imóvel, isso porque seu nome constara na matricula do imóvel a partir da data que o imóvel for registrado e portanto se tornará o proprietário do imóvel.

Caso, não faça esse registro no cartório de registro de imóveis você não poderá se tornar dono e correrá sérios riscos de perder seu imóvel.


O QUE PODE ACONTECER SE NÃO EFETUAR O REGISTRO DA MINHA ESCRITURA?


Você não faz ideia dos riscos que corre se não efetuar o registro da sua escritura pública no cartório de registro de imóveis.

São inúmeras situações que podem ocasionar a perda do imóvel ante a falta de registro, todavia vou citar nesse primeiro momento duas hipóteses.

Caso, o imóvel não seja registrado no cartório competente você não se tornara dono do imóvel, além disso o imóvel continuará em nome do vendedor e aí que mora o perigo.

Se o vendedor tiver alguma dívida ou estiver respondendo por algum processo de execução mesmo após a venda, esse imóvel que você sonhou tanto e batalhou para adquiri-lo pode ser penhorado e você sairá com uma mão na frente e outra atrás.

Uma outra situação que pode ocasionar uma enorme dor de cabeça ante a ausência de registro é o imóvel ser vendido duas vezes pelo vendedor para duas pessoas diferentes e somente será dono quem registrar primeiro.

Por exemplo: João vende o imóvel no dia 08 de fevereiro de 2020 para Clotilde e no dia 10 de março vende o mesmo imóvel para Anna, porém Anna levou a escritura para registro primeiro e, portanto, ela será considerada a proprietária do imóvel.


JÁ PENSOU PERDER A SUA CASA POR UM VACILO DESSE?

Ninguém quer perder sua casa, portanto não corra esse risco e leve a sua escritura pública para registro o mais rápido possível, embora não tenha prazo para registrar a mesma recomenda-se que o registro seja feito o mais breve possível para que você possa dormir sossegado no conforto do seu lar sem correr o risco da sua campainha tocar e ter alguém com um mandado nas mãos dando prazo para que você saia da sua casa.

Parece até que é brincadeira, mas essa é a realidade de muitos brasileiros que compram seus imóveis e não efetuam o registro de suas casas.

Agora você já sabe a importância de efetuar o registro de seu imóvel para não correr o risco de perde-lo.

Se você gostou dessa informação clica no coração e caso tenha alguma dúvida acerca do tema põem nos comentários.

Se quiser saber mais a respeito desses temas acesse nossas redes sociais instagram e no facebook.








15 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo
bottom of page